Fotos digitais podem colocar famílias em risco


Jeferson Silva
Acessar perfil
Um estudo publicado no Jornal Internacional de Segurança Eletrônica sugere que fotos de crianças postadas na internet podem oferecer risco quando o uploading é efetuado com o sistema de “geotag” ativado.

Muitos usuários desconhecem a tecnologia Geotagging, está adicionando metadados de identificação geográfica para vários meios, incluindo fotografias. Máquinas como celulares, tablets, entre outras, podem adicionar metadados que permitem a identificação do endereço próximo de onde a foto foi tirada. O alerta é focado no habitual sequestro de crianças por pedófilos nos EUA.

O pesquisador Kuzma descobriu várias fotos que tinham o CEP ocultado nas imagens. Tais fotos foram compartilhadas em redes sociais e ambientes de acesso público como o Flickr.

O pesquisador aconselha aos usuários, buscar entender as implicações desta nova tecnologia (Geotagging) e publicar apenas os dados apropriados, protegendo a si mesmo e seus filhos.

Fonte: inderscience


Considere contribuir


Bitcoin:
bc1qnkt2s7unluyxpd77r4tr320f7s8sg0kmheaya5

Ethereum e BSC(bep20):
0x6d5D59C407366fe65Ff74FD06C81C541762B9711

TRON:
TKwUV5ttMsFx4SXczzLc2F2bTiJwgGn5Mz




Popular Posts

Mirror: plataforma descentralizada blockchain

Gravidade como fonte de energia

Colando na escola com Inteligência (artificial)

Duino-Coin: Para aprender sobre mineração

Passeando pelos museus virtuais

Hospedando seu site Keybase

O promissor protocolo NOSTR

A primeira motocicleta

Testamos o IPFS: hospedando um site

Artesanato com sucata eletrônica